Tecnologia

25 apps são removidos pelo Google da Play Store | Pocket News #57

0

25 apps removidos da Play Store por roubo de dados do Facebook

Embora a Google Play seja muito eficiente em permitir o contato direto entre usuários e aplicativos, ela também tem seus defeitos, que acabam sendo aproveitados por desenvolvedores de aplicativos perigosos, e nessa semana, a Google acabou conseguindo remover 25 aplicativos que eram utilizados para roubar as contas do Facebook.

No entanto, o filtro de postagens de aplicativos nocivos como esse deveria impedir que eles sequer chegassem nos usuários, já que na hora em que eles finalmente foram retirados do ar pela empresa, mais de dois milhões de usuários já haviam efetuado o download deles.

A descoberta da ação desses apps maliciosos também não foi feita por parte da Google. Na realidade, eles foram alvos da empresa francesa de cibersegurança Evina, que descobriram a ação dos apps em Maio de 2020, com eles sendo apenas removidos no começo de Junho.

Segundo a Evina, os apps se camuflavam realmente utilizando um corpo de um aplicativo funcional, ou seja, se era um jogo, você realmente iria conseguir jogá-lo normalmente.

No entanto, o roubo ocorria quando o aplicativo pedia para que os usuários realizassem login em sua conta do Facebook. Assim, quando colocados o login e a senha, a conta era roubada.

25 aplicativos removidos da Play Store por roubarem dados do Facebook

Os hackers ainda utilizaram aplicativos de diversos nichos para alcançar a maior gama de usuários possível, então eles eram jogos, aplicativos leitores de QR code, papéis de parede e gerenciadores de arquivos, para citar alguns exemplos.

A Google ainda não apresentou ao público como que os responsáveis foram capazes de colocar os aplicativos no ar, se foi uma invasão por força bruta ou se eles se aproveitaram de falhas de programação ou de análise da própria desenvolvedora do aplicativo.

De todo modo, invasões desse tipo apenas trazem mais danos para a empresa do que para os usuários em si, principalmente levando em conta que em maio de 2020 um malware chamado Mandrake foi descoberto, sendo que ele estava presente em aplicativos na loja desde 2016.

Esse tipo de problema traz desconfiança para a plataforma, fazendo com que usuários tenham medo de colocar suas informações pessoais e principalmente seu dinheiro por correrem o risco de serem roubados. Desse modo é importante que a Google reveja algumas de suas práticas para que possa impedir casos futuros.

 

Samsung confirma que não vai participar da IFA 2020

A Samsung confirmou que não vai participar da IFA 2020, a maior feira de eletrônicos da Europa. Informações sobre a possível desistência da empresa já estavam circulando na forma de boatos, porém agora a própria companhia se manifestou.

Normalmente, a Samsung ocupa uma das maiores áreas dos galpões do evento, onde exibe seus televisores, eletrodomésticos e lançamentos mobile para o segundo semestre do ano, sendo que já até existem alguns produtos já aguardados pelo público, que são um Galaxy Unpacked feito separadamente da família Galaxy Note 20, um novo Galaxy Fold e o relógio inteligente Galaxy Watch 3.

A atitude da empresa é compreensível levando em conta a situação de crise global que enfrentamos no momento, já que a Samsung poderia acabar fazendo um pelo investimento para montar os estandes de um evento que pode acabar não recebendo tanto público.

Evento da Samsung na IFA 2016

De todo modo, a saída da gigante pode acabar acarretando mais problemas ainda para o evento, o que pode resultar em seu cancelamento, o que já aconteceu em outros casos, como o da MWC 2020, que aconteceria em março. A pandemia já tinha feito ele teria que adotar um formato bem diferente.

Mesmo que ainda presencial, o evento deixaria de ser um grande encontro, sendo dividido em quatro sessões de palestras e demonstrações de produtos, tendo limite máximo de participantes. Por hora, apenas nos resta aguardar por futuras decisões acerca da organização ou de outros participantes do evento.

Jucyber
CEO da empresa TECNOAGE e principal autora no site. Youtuber há mais de 7 anos, com vasta experiência em tecnologia, nos seus diferentes ramos. Apaixonada por Deus, pela vida, pela família, pelo conhecimento e jogos eletrônicos.

You may also like

More in Tecnologia